Início » Internação Involuntária para Idosos

Internação Involuntária para Idosos

Por mais que seja algo que muitas vezes eu e você não queremos fazer, mas a internação involuntária para idosos em variados casos pode vir a ser necessária.

E, para que você consiga fazer isso da forma correta, com toda certeza será necessário entender como funciona esse processo, em quais casos será ideal esse tipo de ação, e dentre outras coisas.

Até porque, será apenas após você ficar por dentro dessas informações, que se tornará possível saber como é realizado todo o processo. Portanto, para você entender melhor sobre tudo isso, mostraremos tudo a respeito de como funciona uma internação involuntária para idosos.

O que é e como funciona a internação involuntária para idosos?

A internação involuntária para idosos se trata do procedimento de levada de um idoso para instituições de cuidados, geralmente casas de repousos particulares, contra a sua vontade.

Dessa forma, muitas vezes o idoso não tem consciência da gravidade do problema, e assim pode apresentar resistência na busca de um tratamento adequado, fazendo com que seja necessário a ação familiar para a institucionalização dele.

De uma forma básica, os familiares, que são os únicos membros autorizados para realizar o processo, levam o idoso até o local adequado, para que ele possa receber um tratamento próprio, mais individual, e assim possa evitar que maiores problemas venham a lhe acometer.

Saiba que a ida desses idosos para uma casa de repouso particular pode variar dentre diversos fatores, como:

  • Quando o idoso se encontra com debilitação física e/ou cognitiva, e a família não consegue acompanhar e oferecer todos os cuidados necessários;
  • Casos onde os cuidadores, seja familiar ou não, estão tendo dificuldades no atendimento, não oferecendo um tratamento de qualidade;
  • Integridade do idoso está sendo afetada, devido a falta de experiência dos familiares.

Assim, você consegue enxergar que todos os problemas estão com um foco exclusivo: proporcionar um melhor estilo de vida ao idoso.

E, é justamente isso que muitos podem não enxergar, vendo a casa de repouso ou local de internação como algo ruim, e assim resistindo.

A internação involuntária de idosos é crime?

Certamente você poderá ficar muito em dúvida a respeito da internação involuntária de idosos, principalmente se isso é crime.

Até porque, estamos falando de algo que vai diretamente contra a vontade de uma pessoa.

No entanto, você precisa saber que a Lei 10.216/2001 prevê a internação involuntária em casos específicos.

Desse modo, se houver a verdadeira necessidade de realizar o procedimento, saiba que a lei pode sim cobrir esse tipo de procedimento.

Mas, vale lembrar que quem fará o julgamento será um médico especialista, afirmando ou não a necessidade da internação.

Isso é previsto inciso V da Lei 10.216/2001: 

“ter direito à presença médica, em qualquer tempo, para esclarecer a necessidade ou não de sua hospitalização involuntária.”

A clínica também deve informar ao Ministério Público sobre a internação involuntária em um prazo de até 72 horas.

Até porque, a não confirmação e divulgação aos órgãos responsáveis, pode resultar em cárcere privado.

Considerações finais

E você, ainda tem dúvidas a respeito de como funciona uma internação Involuntária para idosos?

Se mantenha por dentro.

Nos vemos em breve.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *