Sociopata: 15 dicas para identificar um perto de você

Sociopata

Públicado em: 15 de fevereiro de 2022

Última Atualização em: 15 de fevereiro de 2022

Sociopatia e psicopatia podem ser compreendidas como rótulos sociais criados para pessoas que possuem certos traços comportamentais e psíquicos específicos. 

Isso significa que tanto a sociopatia quanto a psicopatia não são consideradas doenças, mas sim, uma “forma de ser” e viver em sociedade, ou ainda, uma estrutura psíquica.

No entanto, pessoas sociopatas e psicopatas podem causar efeitos na vida de terceiros e, por isso, muitas pessoas buscam reconhecer os sinais desse tipo de indivíduo.

Desse modo, trouxemos algumas considerações a respeito dos sintomas da sociopatia, mas cabe aqui um adendo importante:

Jamais tente diagnosticar uma pessoa por conta própria. Nosso conteúdo não serve de teste e tampouco como critério avaliativo para diagnóstico. Os tópicos aqui inseridos são de caráter informativo. 

Caso desconfie de estar diante de um sociopata, jamais diagnostique-o. 

Dito isso, vamos ao conteúdo!

Sociopata sintomas: 15 dicas para identificar um perto de você

Como mencionamos acima, destacamos a seguir alguns dos sinais e sintomas da sociopatia para que você conheça um pouco mais sobre os traços desses indivíduos. Veja:

  1. São voláteis e propensos a explosões emocionais. Isso quer dizer que eles podem ter acessos de raiva.
  2. Possuem uma certa dificuldade para manter um emprego fixo, e normalmente estão às margens da sociedade. Ou seja, “pulam” de opção em opção, por ter dificuldades de manter um relacionamento interpessoal adequado e por terem comportamentos ignorantes. 
  3. Possuem dificuldade para manter relacionamentos com as outras pessoas, inclusive relacionamentos amorosos. E podem, ainda, demonstrar comportamentos de manipulação.
  4. Podem ser violentos, mesmo que apenas verbalmente.
  5. Violam o direito alheio sem demonstrar culpa ou receio por isso.
  6. Demonstram comportamentos de manipulação para ter benefícios para si, mesmo que isso prejudique outra pessoa.
  7. Em geral não têm empatia pelas outras pessoas.
  8. Podem demonstrar comportamentos narcísicos e de autoconfiança exagerada.
  9. Podem ser charmosos e demonstrar uma linguagem confiante e que desperta o interesse das outras pessoas.
  10. Não sentem culpa, mesmo quando têm consciência de que uma consequência ruim, na vida de outra pessoa, foi causada por ele.
  11. Agem de forma irresponsável, como por exemplo, tendo comportamentos de risco para a própria saúde ou a de terceiros. (Exemplo: Não respeitando os limites de velocidade no trânsito).
  12. Possuem facilidade para inventar histórias e mentir.
  13. São encantadores, manipuladores e sempre fazem com que as outras pessoas os admirem.
  14. Normalmente, usam do gaslighting para manipular as outras pessoas e fazê-las se sentirem culpadas por um erro que o sociopata cometeu.
  15. Dificilmente demonstram ter medo de alguma coisa, e se demonstram, pode ser com o viés de manipular o outro.
Sociopatia e psicopatia
Sociopatia e psicopatia

O que é sociopata?

Mas o que significa sociopata, afinal? Basicamente, é um indivíduo com uma estrutura psíquica e traços de personalidade que o fazem ser um antissocial. Ou seja, ele atua de forma completamente egoísta, desejando o benefício próprio, mesmo que isso custe o bem-estar de uma outra pessoa.

Um sociopata não sente culpa pelas maldades que faz, e costuma ser uma pessoa que manipula as outras facilmente. Demonstra comportamentos agressivos e acessos de raiva, sendo explosivos, especialmente quando contrariados.

Além disso, podem ainda fazer com que as suas “vítimas” se sintam culpadas pelos próprios erros dos sociopatas.

Qual a diferença entre sociopata e psicopata?

Muitas pessoas usam os dois termos como equivalentes, embora os artigos científicos possam propor diferenças entre o sociopata e o psicopata.

No entanto, ambos apresentam comportamentos antissociais, enquanto que o sociopata não necessariamente comete um crime – mesmo que ele prejudique outras pessoas. Já o psicopata é aquele que pode matar uma pessoa sem sentir a menor culpa por conta disso.

Assim, alguns pesquisadores apontam que os psicopatas são mais agressivos e violentos, enquanto que os sociopatas focam mais no benefício próprio e prejudicam os outros por consequência. 

Em outras palavras, o prazer do sociopata não está em prejudicar o outro, mas sim, em ter um bem para si. Já o prazer do psicopata tende a ser, de fato, prejudicar o outro.

Porém, vale destacar que para a área médica não existe diferença: ambos possuem o transtorno de personalidade antissocial.

Quais são as características de um sociopata?

São diversas as características de um sociopata. Vale ressaltar, ainda, que alguns podem demonstrar os traços de maneira mais intensa, enquanto outros podem ter comportamentos mais sutis e silenciosos. De qualquer forma, como listamos acima, existem sintomas bem evidentes, como:

  • Manipulação e mentiras;
  • Falta de empatia e de culpa;
  • Comportamentos de risco e irresponsáveis;
  • Dificuldades para manter relacionamentos;
  • Narcisismo e autoconfiança desconectados da realidade;
  • Ausência de medo;
  • Entre outros.

É importante estar atento aos sinais, mas sem ter um olhar preconceituoso. Lembre-se de que cada indivíduo possui as suas próprias características pessoais, e diagnosticar a sociopatia sem fundamento científico é perigoso e injusto.

No entanto, se você sentir que está sendo prejudicado por uma pessoa que você julga ser sociopata, imponha limites e/ou se afaste da pessoa. Mas jamais aponte que ela é ou não uma sociopata/psicopata.

Existe teste para Sociopata?

Profissionais de saúde mental podem usar ferramentas de avaliação psicológica para traçar a personalidade e o perfil de qualquer indivíduo. Isso significa que podem ser usados alguns testes a fim de compreensão de casos em que a sociopatia pareça estar presente.

No entanto, na internet não é possível encontrar testes para se fazer em casa, sem acompanhamento de profissionais. Se você encontrar algum tipo de teste nesse sentido, esteja ciente de que não há respaldo científico para o resultado, e que as respostas estão mais baseadas em um “achismo” do que em um estudo feito por um profissional.

Portanto, cuidado com esse tipo de teste! Jamais se autodiagnostique e jamais trace diagnósticos para as outras pessoas, pois isso pode ser arriscado para a saúde mental de todos os indivíduos.

Conclusão sobre sociopatia

A sociopatia pode ser entendida como um conjunto de traços comportamentais e psíquicos que um indivíduo possa apresentar. Associa-se com comportamentos manipuladores e prejudiciais a terceiros, apenas com o objetivo de obter benefícios próprios.

Um sociopata dificilmente apresenta sentimento de culpa e empatia e pode sempre se pôr acima dos outros.

Reconhecer os sinais e impor limites na relação com um sociopata é fundamental para manter a qualidade de vida. Fique atento aos sinais e sempre priorize a sua saúde mental. 

Em caso de dúvidas, entre em contato com profissionais da área da saúde mental.

Referências

Sociopath v. Psychopath: What’s the Difference? Disponível em: <https://www.webmd.com/mental-health/features/sociopath-psychopath-difference> Acesso em 14 fev. 2022.

What It Actually Means to Be a ‘Sociopath’. Disponível em: <https://www.healthline.com/health/mental-health/sociopath> Acesso em 14 fev. 2022.

Revisado por Camila Da Silva: Psicóloga (CRP12/17354)

Dúvidas? Para saber mais, entre em contato conosco.
Acesse nosso site: www.interhelpinternacao.com.br 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.