Atividades saudáveis para recuperação de dependentes químicos
Atividades saudáveis para recuperação de dependentes químicos

Atividades saudáveis para recuperação de dependentes químicos

Públicado em: 22 de março de 2021

Última Atualização em: 22 de março de 2021

Atividades para dependentes químicos? O processo de reabilitação das drogas pode ser muito trabalhoso. Por conta disso, o dependente precisa ser muito determinado, especialmente em suas crises de abstinência.

Para lidar melhor com essa situação, o dependente precisa fazer algo para ocupar a sua mente. Dessa forma, ele não terá tempo para pensar coisas ruins e poderá manter o foco em seu tratamento.

Por esta razão, as clínicas que tratam dependentes químicos costumam ter um cronograma com várias atividades. Com isso, os dependentes conseguem se manter ocupados enquanto lutam por sua recuperação.

Ao longo deste texto, entenda como realizar atividades saudáveis é importante para a recuperação de um dependente químico.

  1. Atividades para dependentes químicos
  2. A recuperação com a comunidade
  3. A vergonha não permite que a pessoa se recupere
  4. Atividades recreativas para dependentes químicos
  5. Atividades de terapia ocupacional para dependentes químicos
  6. Atividades terapêuticas para dependentes químicos
  7. Atividades lúdicas para dependentes químicos
  8. Cronograma de atividades para dependentes químicos
  9. Atividades motivacionais para dependentes químicos
  10. Atividades para jovens dependentes químicos

Atividades para dependentes químicos

Praticar esportes, realizar passeios, ler algum livro ou ir para o teatro são apenas algumas das atividades que podem ser feitas. Com isso, o paciente poderá ocupar sua mente e aliviar o duro processo de reabilitação.

1 – Atividades para dependentes químicos

Normalmente, o dependente químico passa por um grande período de stress por conta de seu vício. Por conta disso, é muito importante que ele realize algumas atividades durante sua reabilitação.

2 – A recuperação com a comunidade

Um dos grandes problemas causados pela dependência química é a quebra de relacionamentos.

Ao entrar no vício, o dependente se fecha em seu mundo e, a não ser que receba recursos para o vício, ele não fala mais com ninguém. Isso impede que o dependente trabalhe e contribua com sua comunidade.

Quando a guerra contra o vício é vencida, não apenas o dependente ganha, mas a comunidade como um todo. Como essa pessoa não sofre mais com o vício, ela pode voltar ao seu trabalho e contribuir com sua comunidade.

Em outras palavras, a reabilitação não é boa apenas no sentido individual, mas também no coletivo, pois contribui para sociedade como um todo.

3 – A vergonha não permite que a pessoa se recupere

Em muitos casos, o dependente químico se envergonha muito de suas ações. Por conta disso, ele desiste de lutar contra o vício, pois acredita que a vida dele não tem mais valor.

É preciso mostrar para essa pessoa que aquela situação não é definitiva, pois, com fé e perseverança, é possível sair do vício.

O adicto deve levantar a cabeça, pois a vida dele tem muito valor. Ele não precisa se entregar para essa doença, pois a recuperação é totalmente possível.

4 – Atividades recreativas para dependentes químicos

Como foi dito no primeiro item, é muito importante que os dependentes façam alguma atividade durante a reabilitação. Praticar esportes é algo muito recreativo, o mesmo vale para leitura ou eventos culturais.

O mais importante é que o adicto ocupe a mente dele com alguma atividade saudável, dessa forma, ele sofrerá menos durante sua reabilitação.

5 – Atividades de terapia ocupacional para dependentes químicos

O objetivo da terapia ocupacional é restabelecer a capacidade emocional e social do dependente. Por conta disso, essas atividades devem se adaptar aos gostos e às habilidades de cada pessoa. Assim, o dependente terá alguma motivação para realizá-las.

Normalmente, antes de iniciar esse tipo de terapia, o terapeuta conversa com os familiares mais próximos do paciente. Em alguns casos, ele também pode falar com os amigos.

Dessa forma, ele terá uma visão mais ampla daquela situação. Após concluir essas conversas, o terapeuta dará início ao tratamento.

6 – Atividades terapêuticas para dependentes químicos

Como foi dito no primeiro item, as atividades terapêuticas são fundamentais para que o dependente alivie o processo de reabilitação.

Sem esse tipo de terapia, o sofrimento dele pode ser ainda maior. Por isso, é muito importante que o adicto receba o apoio de uma excelente clínica.

7 – Atividades lúdicas para dependentes químicos

Da mesma forma que as atividades terapêuticas podem ajudar o dependente, as atividades lúdicas também contribuem nesse sentido.

Dessa forma, as brincadeiras ajudam o dependente a se distrair e esquecer um pouco a batalha que ele vive contra si mesmo.

Além da “distração”, as brincadeiras lúdicas melhoram o foco e a concentração do dependente, atributos bem prejudicados pelo uso das drogas.

8 – Cronograma de atividades para dependentes químicos

Normalmente, as clínicas de reabilitação montam um cronograma para o tratamento de seus pacientes. Com isso, o dependente químico consegue ocupar a sua mente ao longo do dia e se manter focado na reabilitação.

Em geral, a primeira tarefa dos pacientes nas clínicas é organizar suas camas e armários. Depois disso, tem a hora do banho e o café da manhã. Ademais, os cronogramas de atividades das clínicas envolvem as seguintes atividades:

  • Consultas com terapeutas e outros profissionais;
  • Almoço completo;
  • Lazer opcional;
  • Pausa para reflexão;
  • Jantar completo;
  • Repouso.

9 – Atividades motivacionais para dependentes químico

Muitas vezes, o dependente químico pode olhar para si mesmo e achar que ele não tem mais jeito. É preciso motivá-lo e mostrar que ele não se resume ao uso de drogas.

Por mais que o adicto tenha cometido erros, é importante que ele perceba o seu próprio valor como ser humano. Além disso, é preciso lembrá-lo que existem pessoas que o amam e que torcem pela recuperação dele. Isso poderá motivá-lo ainda mais.

A clínica é muito importante para motivar um adicto, pois ele verá vários casos de sucesso e terá vários profissionais que farão o possível para ajudá-lo. Além disso, o contato com os outros pacientes o fará perceber que ele não está sozinho naquela situação.

10 – Atividades para jovens dependentes químicos

Tudo o que foi dito no “item 1” se enquadra nesse tópico. Ao fazer atividades como leitura e prática de esportes, o jovem adicto não terá tempo de pensar em coisas ruins.

Com isso, ele não perderá o foco do tratamento. Nesse sentido, seguir o cronograma de atividades da clínica também pode ser muito útil.

Dúvidas? Para saber mais, entre em contato conosco.
Acesse nosso site: www.interhelpinternacao.com.br 
FALE CONOSCO: 0800 500 9945